Diana Coelho

Diana Coelho é produtora e realizadora audiovisual, formada em Comunicação Social – Rádio e TV e Jornalismo, com mestrado no Programa de Pós-Graduação em Estudos da Mídia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Integrou o Coletivo Caboré Audiovisual entre 2013 a 2019, atuando nos eixos de produção de conteúdo, formação e exibição audiovisual. Foi também idealizadora e produtora dos projetos Mostra Trinca Audiovisual, Sessão Teia-Brasil e Mostra Macambira.

Foi coordenadora do II Festival Urbanocine e Oficinas de Cinema Urbanocine 2020 (Lei Câmara Cascudo/2020), Oficinas de Audiovisual em Mãe Luiza (FIC 2013), Mostra Trinca Audiovisual (Sebrae/RN 2015), Oficinas Caboré de Formação Audiovisual (Sebrae/RN 2016), e assumiu a assistência de produção das Oficinas Inclusivas do Urbanocine (Sebrae/RN 2018). 

Na realização, foi responsável pela direção dos curtas-metragens “São Luiz – Retratos do Sertão do Seridó (2013), “Retrato” (2014), “Som do Morro” (2015) e “Família Tropa Trupe – O Circo Enquanto Vida” (2016). Atuou como assistente de direção do longa-metragem “Fendas” (2019, dir: Carlos Segundo) e dos curtas-metragens “A Parteira” (2019, dir: Catarina Doolan), “Natureza do Homem” (2019. dir: André Santos), “A Cena Roubada” e “Completamente Cru”, estes últimos atualmente em pós-produção.

Foi produtora executiva dos curtas-metragens “Três Vezes Maria” (2014, dir: Marcia Lohss), “Encantarias (2015, dir: Rodrigo Sena e Júlio Castro), “Som do Morro” (2016, dir: Diana Coelho e Hélio Ronyvon), “No Fim de Tudo” (2017, dir: Victor Ciriaco), “Te Guardo no Bolso da Saudade” (2021, dir: Rosy Nascimento), “Encruzilhada” (em pós-produção) e pelo projeto de desenvolvimento “Todas as Cores do Branco”, contemplado pelo Prodav 05/2014. Atualmente, é assistente de produção executiva da série “Onde Está o Cinema Brasileiro?”, projeto da Prisma Filmes viabilizada através do Prodav 02 para a Prime Box Brazil.

Assumiu a direção de produção da primeira temporada da websérie “SEPTO” (2016) e dos curtasmetragens “Sailor” (2014, dir: Victor Ciriaco), “Família Tropa Trupe – O Circo Enquanto Vida” (2016, dir: Babi Baracho e Diana Coelho), “Ainda Que Eu Ande Pelo Vale Da Sombra Da Morte” (2018, dir: Hélio Ronyvon) e “Bege Euforia” (em pós-produção). Como assistente de produção, trabalhou nos curtas-metragens “O Menino do Dente de Ouro” (2014, dir: Rodrigo Sena), Janaina Colorida Feito o Céu (2014, dir: Babi Baracho) e Enquanto o Sol Se Põe (2018, dir: Marcia Lohss).

DIANA-768x768.png

Filmografia

  • Te Guardo no Bolso da Saudade (2021)

Produtora Executiva

Curta-metragem dirigido por Rosy Nascimento, contemplado pelo edital de emergência cultural 006/2020, lançado pela Prefeitura do Natal com recursos da Lei Aldir Blanc. 

  • Em Reforma (2019)

Direção e Corroteirista

Curta-metragem viabilizado pelo edital Cine Natal 2016.

 

  • Fendas (2019)

Assistente de Direção

Longa-metragem dirigido por Carlos Segundo. 

 

         ▪     Natureza do Homem (2019)

Assistente de Direção

Curta-metragem dirigido por André Santos, contemplado pelo edital Cine Natal 2016.

 

         ▪     A Parteira (2019)

Assistente de Direção e Direção de Produção

Curta-metragem dirigido por Catarina Doolan, contemplado pelo edital Cine Natal 2016.

 

  • Enquanto o Sol se Põe (2018)

Assistente de Produção

Curta-metragem dirigido por Marcia Lohss.                       

 

  • Ainda que eu Ande Pelo Vale da Sombra da Morte (2018)

Direção de Produção

Curta-metragem dirigido por Helio Ronyvon.

 

  • No Fim de Tudo (2017)

Produção Executiva

Curta-metragem dirigido por Victor Ciriaco, contemplado pelo edital Cine Natal 2014

 

  • Septo (2016)

Direção de Produção

Websérie produzida pela Marmota Filmes em coprodução com o Coletivo Caboré Audiovisual. 

 

  • Som do Morro (2016)

Direção e Produção Executiva

Curta-metragem dirigido por Diana Coelho e Hélio Ronyvon, contemplado pelo edital Curtas

Universitários 2015 e pelo Edital de Economia Criativa do Sebrae/RN 2015

 

  • Família Tropa Trupe – O Circo Enquanto Vida (2016)

Roteiro e Direção

Curta-metragem dirigido por Babi Baracho e Diana Coelho, contemplado pelo edital de Economia Criativa do Sebrae/RN 2015

 

  • Encantarias (2015) Produção Executiva

Curta-metragem dirigido por Rodrigo Sena, contemplado pelo edital Festividades e Expressões Religiosas 2014

 

  • Sailor (2014)

Diretora de Produção

Curta-metragem dirigido por Victor Ciriaco

 

  • Três Vezes Maria (2014)

Produtora Executiva

Curta-metragem dirigido por Marcia Lohss, contemplado pelo Edital Cine Natal 2013

 

  • Janaína Colorida Feito o Céu (2014)

 Assistente de Produção

Curta-metragem dirigido por Babi Baracho, contemplado pelo Edital Cine Natal 2013

 

  • O Menino do Dente de Ouro (2014)

 Assistente de Produção

 Curta-metragem dirigido por Rodrigo Sena, contemplado pelo Edital Cine Natal 2013

 

  • São Luiz – Retratos do Sertão do Seridó (2013)

Diretora, Diretora de Fotografia e Editora

 

Em desenvolvimento / Pós-produção: 

 

  • Lagrimar (Em desenvolvimento)

Produtora Executiva

Curta-metragem de animação dirigido por Paula Vanina Cencig, contemplado pelo edital Rumos Itaú Cultural 2018.

 

  • Onde Está o Cinema Brasileiro? (Em pós-produção)

Assistência de Produção Executiva

Série documental com direção de Dênia Cruz e produção da Prisma Filmes para a Box Brazil (Prodav 02/2016).

 

  • Todas as Cores do Branco (Em desenvolvimento)

Produtora Executiva

Projeto de desenvolvimento de um longa-metragem, contemplado pelo Prodav 05/2014.

 

  • A Cena Roubada (Em pós-produção)

Assistência de Direção

Curta-metragem dirigido por Kako Gomes, do Destino Coletivo. 

 

  • Complemente Cru (Em pós-produção)

Assistência de Direção

Documentário dirigido por Weynna Dória.  

 

  • Bege Euforia (Em pós-produção) Direção de Produção

Curta-metragem dirigido por Anália Alencar, contemplado pelo edital de Fomento a Cultura Potiguar 2019.   

 

  • Encruzilhada (Em pós-produção)

Produtora Executiva

Curta-metragem dirigido por Silvio Guedes, contemplado pelo edital de Fomento a Cultura Potiguar 2020, com recursos da Lei Aldir Blanc.